30 de nov de 2009

Receita de Coelho ao Forno com Vinho Tinto (ou a revanche do Hortelino contra o Pernalonga)

Quem nunca assistiu ao desenho animado onde o coelho pernalonga aprontava todas pra cima do pobre do hortelino? Pois bem... hoje chegou o dia da revanche!

Você vai precisar de:
1kg de um Pernalonga já abatido pelo hortelino, tratado e cortado em pedaços;
1 ramo de alecrim;
1 pouco de tomilho (eu usei tomilho limão);
2 dentes de alho;
150 ml de vinho tinto;
Azeite;
Pimenta do reino (moída na hora, por favor!);
Sal;
Batatas pequenas;
1 Uma cebola grande.

Retire do talo as folhas do alecrim e pique-as com o auxilio de uma tesoura. Misture ao azeite, o sal, o alho e o tomilho. Passe essa mistura no coelho com as mãos mesmo. Ao final, adicione o vinho e deixe pra marinar por umas 12 horas. De tempos em tempos, vire as carnes para que tenham um bom contato com o caldo.
No dia seguinte acenda o forno e deixe em temperatura alta (acima dos 240 graus), corte a cebola em fatias finas e espalhe no refratário, arrume o coelho em cima da cebola e despeje todo o caldo por cima das carnes. Cubra o refratário com papel alumínio de maneira que fique bem fechado, evitando a saída de vapores. Deixe em forno alto por uma hora. Após este tempo, retire do e abra cuidadosamente o alumínio, verificando o estado das carnes. Regue-as com o caldo. Aproveite para colocar as batatas junto das carnes, se possível em contato com o molho. Você pode colocar outras verduras para cozer junto com as batatas, como brócolis e cenoura (em homenagem ao pernaloga, pelo menos). Caso tenha pouco molho, pode-se acrescentar um pouco mais de vinho (branco ou tinto seco). Cubra novamente e ponha de volta no forno por mais 45 minutos. Em seguida, retire o alumínio e deixe as carnes dourando.


Esse último procedimento deve levar entre 20 e 30 minutos para que coelho não seque muito. Quando terminar, retire as carnes com cuidado e reserve. Passe o caldo que restou numa peneira e em seguida coloque numa panela para engrossar. Adicione um pouco de manteiga, ajuste o sal, adicione um pouco de molho inglês e coloque uma colher de chá de farinha de trigo. Mexa sem parar, para não criar pequenas bolas de farinha. Se achar que está ralo, adicione um pouco mais de farinha, sempre aos poucos e com cuidado para não ficar muito grosso. Terminada esta etapa, arrume o coelho num prato, com as batatas e verduras e o acompanhamento da sua preferência. Sirva com um bom vinho tinto.
É isso ai velhinho. Como diria o Hortelino: esse coelho maluco ainda me paga! E pagou!

Acompanhamento:
Para acompanhar o prato, além das verduras, eu fiz um cuscuz marroquino. É fácil e rápido. Siga as instruções da embalagem, usando limão, azeite, pimenta do reino e sal para temperar. Misture tudo isso à massa do cuscuz e em seguida adicione água morna. Porém, você pode usar o caldo que sobrou do cozimento e o que ficou na peneira para hidratar o cuscuz. Fica uma delicia. É possível usar tudo isso para fazer um arroz selvagem e o que sobrar do caldo você engrossa e põe por cima do coelho fanfarrão.


That’s all folks!
By Adauto Menezes

20 de nov de 2009

Sunomono de Pepino com Salmão



Bem, aqui vai uma receita rápida e honesta para quem gosta da culinária japonesa. Acrescentei o salmão pois foi assim que fui apresentado ao conhecido sunomono no restaurante Tepan em Recife ainda na década de 90.


Só um detalhe interessante, o molho de vinagre e açúcar é o mesmo utilizado para fazer o arroz japonês.

Ingredientes:

2 pepinos tipo japonês
1 file de salmão
300 ml de vinagre de arroz
250 g de açúcar
1 colher (chá) de sal
Semente de gergelim torrada


A Peleja:

Lave bem os pepinos


Retire as suas sementes com uma colher pequena


Corte o pepino em fatias bem finas, com uma faca afiada, ou com um fatiador de legumes


Não use as pontas do pepino


Para desidratar o pepino, coloque em uma peneira, as fatias com sal, por 30 minutos


Lave em água corrente para retirar o excesso de sal


Em uma panela, coloque o açúcar, vinagre e uma colher (chá) de sal


Leve ao fogo baixo para ferver


Retire do fogo e espere esfriar


Enquanto o molho esfria, corte o salmão (cru) em pequenos cubos


Depois coloque o pepino em uma tigela


Acrescente o líquido, já frio, sobre os pepinos, até cobrir


Acrescente os cubos de salmão e cubra com o gengelim

Itadakimasu (ou bom apetite)!

14 de nov de 2009

Robalo ao Forno




Por: István Wessel

Blog:
http://www.receitasdowessel.blogspot.com/


Essa receita como tantas outras tem sempre um grande mestre por traz. Essa eu ouvi na rádio em pleno fretado voltando de Alphaville em um programa da Band News.

István Wessel é formado em hotelaria na Cornell University NY, Administração na FGV e Marketing na Pace University, também em Nova York. E colunista da Band News.

Segue a receita postada em seu blog que deu certo aqui nos Nordestinos na Cozinha. Tiramos apenas o arroz de Jasmim.

Receita por: István Wessel

Assar um peixe inteiro anda meio fora de moda. A gente está querendo ser sempre muito prático e deixa de lado boas receitas e lindas apresentações. Um robalo inteiro assado tem cara de festa. É lindo para um almoço de domingo. Ah! Eu já estava esquecendo. É rápido e de fácil preparo. Ideal para um domingo quente e um Sauvignon Blanc bem gelado!

INGREDIENTES:

1 robalo inteiro de 2,5 kg
3 colheres de sopa de azeite extra virgem
1 limão fatiado bem fino
2 colheres de sopa de coentro em folhas
1 pimenta dedo de moça sem sementes
1 pedaço de 6 cm de gengibre
1 colher de chá de coentro picado
2 dentes de alho limpo
2 colheres de sopa de azeite
2 colheres de sopa de agua
2 colheres de sopa de suco de limao
sal

MODO DE PREPARO:

Prepare o tempero do peixe batendo em um liquidificador o gengibre, o coentro picado, o alho, o azeite, a água e o suco de limão até fazer uma pasta. Tempere o peixe com esta pasta por dentro e por fora.

Leve ao forno a 180 ºC por 30 a 40 minutos ou até que fique macio. Verifique espetando um palito na parte mais grossa. Nunca asse em demasia para que não seque.

Você pode fazer este prato em uma churrasqueira desde que proteja o peixe com folha de alumínio ou que coloque em uma grelha dupla para peixes.

Para servir retire a carne do peixe e sirva com arroz e uma boa salada de tomates com fatias finas de limão, azeite e sal.

Serve 6 pessoas



2 de nov de 2009

Spaghetti ao molho de queijo com camarão



Bem, esse é um daqueles pratos que valem mais do que um Miojo. Simples, rápido e sem frescura. Normalmente é feito quando se está sozinho e sem ninguém para avaliar.

Ingredientes:

- Spaghetti número um. Quantidade suficiente para uma pessoa (você);
- 200g de camarão sem casca previamente cozido;
- Meia xícara de creme de leite;
- Duas colheres de sopa de requeijão;
- Duas colheres de queijo ralado;
- Pimenta do reino a gosto;

A Peleja:

Em uma panela, coloque 2 litros de água com um punhado de sal e um fio de azeite para ferver;

Após a fervura da água, coloque o spaghetti e fique de olho pois para o número um o cozimento é rápido;

Finalizado o cozimento do spaghetti, parta para a elaboração do molho;

Refogue o camarão na manteiga, acrescente o creme de leite, o requeijão e o queijo ralado (nesta sequência). Para finalizá-lo, acrescente a pimenta do reino e deixe por mais alguns minutos.

Pronto, fica melhor do que um Miojo e você não levará mais do que 10 minutos.

Inté.

Panela de bacalhau

Pessoal...depois de um longo período sem postar receitas, vamos a uma maravilhosa Panela de Bacalhau, inspirada na Panela de Ferro da Pousada do Toque, mas com minha versão nacional da Le Creuset...


Ingredientes
600 gramas de bacalhau do porto em lascas
2 cebolas
100 gramas de azeitonas pretas
10 batatas inglesas pequenas ou médias
6 dentes de alho
Pimenta do reino moída
Salsinha a gosto
200 ml de azeite de oliva extra-virgem
Sal


Modo de preparo

Dessalgue o bacalhau.
Descasque as batatas e depois corte-as em fatias finas.
Corte as cebolas em rodelas finas. Faça o mesmo com o alho.
Pique a salsinha.
Coloque a panela no fogo, cubra o fundo dela com azeite e coloque uma camada de cebolas.
Espere as cebolas soltarem um pouco de água e ficarem transparentes (não é para refogar).
Coloque 1/3 do alho fatiado. Na sequência coloque uma camada de batata e por cima uma camada de bacalhau. Salpique um pouco de sal, pimenta do reino, coloque algumas azeitonas e salsinha. Regue com 1/3 do azeite e prepare a próxima camada, seguindo a mesma ordem...













Depois de uns 40 minutos, em fogo médio, essa delícia estará pronta. Para acompanhar, sugiro um bom vinho verde português e um arroz branco.

Voilá!!!



1 de nov de 2009

Costelinha de Porco

Ingredientes:

- 900g de costelinha de porco;
- 2 limões;
- 4 dentes de alho triturado;
- Pimenta do reino e sal a gosto;
- Melaço de cana;
- Barbecue.

A Peleja:

1. Misture uma quantidade meio a meio de Barbecue com Melaço de Cana e reserve.


2. Tempere a costelinha com suco de limão, sal, pimenta e alho.

3. Em uma assadeira forrada com papel alumínio coloque a costelinha banhada no molho e cubra com o papel alumínio.

4. Aguarde por pelo menos uma hora antes de tirar o papel alumínio de cima da costelinha para ela dourar.

5. Sirva com arroz.

Inté!!!